Moscas

Moscas são um dos mais conhecidos e mais comuns insetos no convívio humano. A espécie convive facilmente com os humanos, com tendência a agregar-se, ainda que sejam insetos pouco sociais. As moscas-domésticas podem ser portadoras de enfermidades infectocontagiosas que podem transmitir ao alimentarem-se sobre alimentos humanos que contaminam.

Estes insetos são considerados uma das piores pragas domésticas, superando os mosquitos, formigas e baratas. Pois a mosca doméstica encontra-se nas áreas urbanas e é atraída para os diferentes locais através do cheiro, que é disperso pelo vento.

Vários estudos demonstraram que a mosca doméstica pode levar os bacilos da febre tifoide (Salmonella typhosa) nas pernas, corpo, tromba ou expulsá-la pela regurgitação ou nas fezes. Pode transmitir ainda diarreia, conjuntivites, lepra, tuberculose, tifo, gonorreia, erisipelas, cólera, meningite cérebro-espinhal, peste bubônica, entre outras. Por isso se deve evitar ao máximo o contato com esse inseto, e atentar-se a infestações para que seja realizado seu devido controle.